• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Vitória no processo de reenquadramento das Atendentes de Enfermagem da FMS

A Luta por melhorias e direitos não pode parar.

Publicado: 29 Novembro, 2018 - 21h25 | Última modificação: 29 Novembro, 2018 - 21h39

Escrito por: SINDESPI

Reprodução
notice

Uma correção histórica, assim pode ser resumida a história do reenquadramento das Atendentes pela Fundação Municipal de Saúde de Teresina (FMS). Dia 14 de novembro saiu o primeiro resultado do processo de enquadramento de uma Atendente da prefeitura municipal de saúde de Teresina. Uma servidora de 70 anos de idade, com mais de 40 anos de serviço e já com processo de aposentadoria em andamento. Servidora que a vida inteira trabalhou como profissional de saúde, sem o devido reconhecimento de direitos no seu contracheque.

A presidente do SINDESPI Edna Martins ressalta a importância desse momento. “Apesar desses servidores terem sido esquecidos no ato da aprovação do Plano de Carreira da enfermagem, sendo considerados como atendentes administrativos, eles são servidores de grande importância para a saúde publica do Piauí. Vamos continuar na luta em defesa dos direitos desses servidores, em qualquer circunstância. Onde houver um trabalhador da saúde o SINDESPI estará atuando”, afirmou Edna Martins.  

ReproduçãoReprodução

A Diretora do Sindespi, Rosenir Gonzales, explica que houve um longo processo de negociação até se chegar a essa conquista. “Foi uma luta do SINDESPI num processo que durou muitos anos. Após várias negociações e análises de impacto, chegamos ao acordo de que primeiro seriam feitos os enquadramentos dos profissionais que já estivessem com solicitações de aposentadoria, para que, à medida que fossem se aposentando, automaticamente fossem enquadrados como profissional de enfermagem. Para nós é uma vitória, porque a maioria desses profissionais já está em idade de aposentadoria e muitos estavam só aguardando essa correção”, afirmou Rosenir.

Concluído esse primeiro processo, ainda há muitos outros em andamento, tanto relativo a profissionais que ainda não estão beneficiados por esse ato (porque ainda estão em idade ativa), quanto relativos a outros servidores que mesmo na idade de aposentadoria, ainda não têm a vontade de se afastar do serviço.

Nova reunião com a FMS

Na ultima segunda-feira (26/11), a diretoria do SINDESPI marcou reunião com o novo secretário de saúde do município, Charles da Silveira, com a presença da presidenta do SINDESPI, Edna Martins, e as diretoras Maria Trindade, Rosenir Gonzales e Raimunda da Silva. Na ocasião foi exposto para o novo secretário a situação sobre os processos de enquadramento das Atendentes e também solicitado a continuidade, para que após concluído o enquadramento dessas profissionais que estão em processo de aposentadoria, seja estendido para as demais servidoras que estão na ativa, que já seja corrigido os contracheques e já possam utilizar desse direito, mesmo antes de se aposentarem. O secretário Charles da Silveira se comprometeu a avaliar o pedido e entrar em contato e dar uma resposta.

“Muitas servidoras nem acreditavam mais que isso fosse acontecer e para muitos é um momento de louvor, de honra, porque muitas servidoras morreram esperando essa correção. As que estão vivendo esse momento ficaram muito felizes e as que estão esperando essa correção ainda em momento ativo estão muito ansiosas por isso. A gente fica muito feliz quando o Sindicato contribui para uma luta da categoria e do servidor”, disse a diretora Rosenir.

carregando
carregando