• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Dia Nacional de Mobilização por Fora Bolsonaro acontece em todo o Brasil

Vamos juntos pedir a saída de Jair Bolsonaro e todos os membros de seu governo que tem levado o país para a triste marca de milhares de mortos e milhões de infectados pela Covid-19

Publicado: 10 Julho, 2020 - 10h51 | Última modificação: 10 Julho, 2020 - 11h28

Escrito por: Socorro Silva-CUT-PI

Reprodução
notice
Dia 10 #ForaBolsonaro

Sexta-feira (10) é dia Nacional de Mobilização pelo #ForaBolsonaro, com ações concentradas nas redes sociais e ações simbólicas nas ruas para preservar vidas e conter a disseminação do novo coronavírus (Covid-19), mas de peso, fortes na mensagem. É dia de pedir a saída de Jair Bolsonaro e todos os membros de seu governo que tem levado o país para a triste marca de milhares de mortos e milhões de infectados pela Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus.

É dia de reivindicar a saída de Bolsonaro e sua turma do comando do Brasil para por fim a onda de retirada de direitos, as ações de estímulo ao  desmatamento, os ataques à cultura, à saúde e a educação, as empresas estatais que eles querem vender a preço de banana, e tantas outras perversidades.

Sexta-feira é dia de mostrar ao governo, ao Congresso Nacional, à sociedade brasileira e ao mundo que estamos dando um basta e isso pode ser feito com ações sem aglomeração como a colocação de cruzes em pontos estratégicos e turísticos das cidades, colocação de faixas e cartazes #ForaBolsonaro em locais de grande visibilidade. 

Considerando a deliberação da CUT pela construção de um pedido de impeachment do Presidente Bolsonaro, em virtude dos inúmeros crimes de responsabilidade cometidos ao longo do seu governo, em particular a partir da chegada da pandemia de covid-19 no Brasil, uma grande tarefa está sendo dada as estaduais da CUT, sindicatos, federações, confederaçõesde, e a sociedade em geral, a corrida em busca da coleta de assinaturas e a difusão da campanha Fora Bolsonaro junto às organizações sociais. Como parte da agenda nacional do dia 10 de Julho, dia de luta.

Esse pedido de impeachment está sendo construído em aliança com entidades dos movimentos sociais, frentes e organizações da sociedade civil, juristas, intelectuais e personalidades da política, do meio acadêmico e das artes. O objetivo das ações nos estados é tornar o pedido uma expressão da vontade e posicionamento político do maior número das diversas organizações da sociedade civil, dos movimentos populares e do movimento sindical.

A entrega das assinaturas oficializando o pedido de impeachment ao Congresso Nacional será na semana de 13 a 17 de julho, portanto devemos, nesse período cumprir nossa tarefa de coletar e organizar essas assinaturas e enviar à CUT nacional.  A orientação da CUT Nacional é que a adesão dos dirigentes e dos representantes legais das entidades sindicais a este pedido de impeachment, seja impreterivelmente até o dia 10 de julho.


Nesse sentido a CUT-PI orienta os sindicatos a fazerem, no prazo indicado, a consulta/orientação aos seus dirigentes e a formalização da adesão ao pedido através do preenchimento do formulário disponível no seguinte endereço:

https://bit.ly/impeachmentpopularBolsonaro. 

Quaisquer dúvidas formais ou jurídicas poderão ser esclarecidas pelo e-mail impedimentobolsonaro@gmail.com.

Ressaltamos a importância de, se possível, informar à CUT-PI da adesão e preenchimento do formulário para o devido acompanhamento e controle de meta que nos cabe enquanto central.