• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Aneel muda bandeira tarifária e conta de energia deve ficar mais barata em janeiro

De acordo com a agência, houve uma melhora no cenário dos reservatórios, o que motivou a mudança de bandeira

Publicado: 04 Janeiro, 2021 - 17h38

Escrito por: Socorro Silva-CUT-PI

Marcos Santos/USP
notice
Hoje, o sistema de bandeiras envolve a escala de verde, amarela e vermelha

No mês de janeiro, a conta de luz deve ficar mais barata. Isso porque a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) mudou de bandeira vermelha patamar 2, a mais cara, utilizada em dezembro, para a bandeira amarela, mais barata. A mudança de bandeira representa uma queda de R$ 6,2 para R$ 1,34 para cada 100 quilowatts utilizado por hora.

Segundo a Aneel, a mudança decorre do restabelecimento do cenário de produção elétrica, tendo em vista o aumento das vazões dos afluentes dos principais reservatórios. Quando chove menos nas regiões dos afluentes e reservatórios, por exemplo, o quadro piora e a bandeira pode ser alterada. Hoje, o sistema de bandeiras envolve a escala de verde, amarela e vermelha, esta última com os patamares 1 e 2.

Economizar sempre

Apesar da diminuição no valor, o consumo consciente de energia elétrica deve ser mantido. Algumas dicas para economizar na fatura e colaborar com o meio ambiente são: tomar banhos curtos, de até cinco minutos; utilizar a opção morna do chuveiro; não colocar alimentos quentes dentro da geladeira; regular a temperatura interna da geladeira; deixar um espaço para ventilação atrás da geladeira; utilizar lâmpadas econômicas; utilizar o ferro de passar roupa com menos frequência, assim como a máquina de lavar roupa; retirar os aparelhos da tomada quando possível.

Caso o consumidor não perceba a diferença de valor na fatura, é necessário entrar em contato com a distribuidora que fornece energia no local.

Fonte: Brasil de Fato